Médica de Montes Claros morre em pousada de Vitória da Conquista.

Policial

Segunda-Feira, 09 de Outubro de 2017

Vítima apresentava sinais de broncoaspiração, quando a pessoa inspira o vômito ou um objeto estranho e fecha as vias aéreas. Corpo também indicava coloração “azulada” na pele (cianose).

Enquanto Conquista e Montes Claros ainda vivem a notícia da morte trágica da médica mineira Lilliany Caetano Aquino, novas informações repassadas pelo SAMU podem esclarecer quais causas a levaram ao óbito, na noite deste sábado (7). Lilliany foi encontrada no quarto de uma pousada de Vitória da Conquista, próximo ao Hospital de Base. De acordo com o Samu, Liliany apresentava sinais de broncoaspiração, quando a pessoa inspira o vômito ou um corpo estranho e fecha as vias aéreas, e de cianose, uma coloração azulada da pele ou das mucosas. Diante da situação, não havia mais possibilidade de reanimação devido ao tempo de parada cardiorrespiratória.

 A Polícia Civil da cidade informou que dados preliminares apontam que ela pode ter morrido por causas naturais. A polícia não sabe se a jovem estava na cidade a trabalho ou passeio e não deu mais detalhes do caso. O corpo de Liliany foi encaminhado para perícia no Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Vitória da Conquista e tem previsão para ser liberado ainda neste domingo (8). Não há detalhes sobre sepultamento. 


Com informações do G1 Bahia.


Últimas Notícias
Travessa Cicinato A. Fernandes - Centro - Guanambi-BA - (77) 9 - 9962-3188