Família denuncia descaso do Hospital Regional de Guanambi.

Local

Terça-Feira, 14 de Maio de 2019

A família da idosa Arcanja Ferreira Santos, de 87 anos, acusa a equipe do Hospital Regional de Guanambi (HRG). Milena Katiara Ferreira Santos, de 30 anos, disse ao portal Folha do Vale na manhã desta segunda-feira (13), que sua avó deu entrada no HRG no dia 18 de janeiro, após fraturar o fêmur.

Segundo Milena, no dia 18 de maio completa quatro meses que sua avó está internada no leito 25 do HRG. Na época da internação disseram que ela precisava de uma vaga Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), mas quase quatro meses depois não aconteceu nada. “Disseram que pela idade dela precisava de uma UTI, mas simplesmente eles esqueceram da minha avó”, disse Milena.

Milena acredita que seja vítima de perseguição depois que denunciou que o HRG estava servindo pão estragado aos pacientes (lembra aqui:)

Milena disse que procurou todos os meios administrativos para resolver o problema, mas o hospital não tem interesse de solucionar o problema. “O HRG não quer resolver o problema, ela [Arcanja] contraiu infecção bacteriana dentro da unidade. Minha avó é tratada com desdém naquela unidade”, comentou Milena.

A diretora do HRG Paula Luísa Lima Melo de Barros disse ao portal Folha do Vale, que a paciente não foi operada devido quadro clínico. Ele deixou claro que foram realizados vários exames, mas o quadro dela é complexo clinicamente. “O médico ortopedista plantonista vai avaliar a paciente nesta segunda-feira, só depois vai definir a conduta junto com a família”, disse ela.

O problema do HRG foi denunciado pelos prefeitos que integram o Consórcio Interfederativo de Saúde Alto Sertão, inclusive sendo de conhecimento do secretário Fábio Villas-Boas.


Via Folha do Vale


Últimas Notícias
Travessa Cicinato A. Fernandes - Centro - Guanambi-BA - (77) 9 - 9962-3188